Algumas pessoas parecem que nasceram para liderar, não acha? Não é raro encontrarmos exemplos de empreendedores de sucesso que, sozinhos e com pouca educação formal, conseguiram construir e manter grandes organizações. Mas, atualmente, mesmo que a gestão faça parte do DNA do líder, existem alguns conceitos básicos que todo gestor precisa saber.

Conhecer estes conceitos pode fazer toda a diferença na hora de analisar resultados, planejar ações e tomar decisões estratégicas. Com a correria do dia a dia, acontece que muitos gestores passam a maior parte do tempo “apagando incêndios” e muitos desses conhecimentos acabam sendo colocados de lado.

Neste artigo você vai conhecer ― ou relembrar― alguns conceitos básicos que todo gestor deve saber na ponta da língua. Acompanhe.

A importância dos conceitos de gestão na hora de liderar equipes

De fato, existem gestores excelentes com pouca formação acadêmica; enquanto isso, também há aqueles com diplomas e especialização, porém, com pouca habilidade ao liderar e gerir uma equipe. Entretanto, não é preciso curso superior para conhecer e aplicar alguns conceitos básicos para todo gestor.

Desde as análises de gráficos até conceitos sobre comportamento humano, as teorias auxiliam na tomada de decisões e nas interações com a equipe. Até porque, hoje, já não há mais espaço para basear coordenadas em “achismos” ou feeling. Com a entrada da geração Z no mercado de trabalho, automatização de processos e as mudanças constantes no cenário corporativo, com novas habilidades ganhando destaque, é fundamental que gestores de todos os níveis mantenham-se atualizados tecnicamente.

Os conceitos de gestão servem como um suporte para a atuação do líder, dando embasamento para as ações e, sobretudo, facilitando o tato com os liderados.

5 conceitos básicos que todo gestor deve saber

Agora, você vai conhecer os conceitos mais importantes atualmente para gestores de todos os níveis. Do comportamento humano ao modelo resultante da Quarta Revolução Industrial, conheça os 5 principais.

Pirâmide de Maslow

A chamada Teoria das Necessidades é bastante conhecida e difundida. É este o conceito que elenca a ordem das prioridades humanas. Na base da pirâmide, necessidades fisiológicas seguidas pela demanda por segurança; compondo o meio, o desejo de pertencimento social e, logo acima, reconhecimento. No topo da pirâmide está a autorrealização.

Esse conceito básico que todo gestor deve saber dá ao líder um entendimento mais complexo e, por consequência, completo sobre a própria equipe. Reconhecer os desejos e necessidades de cada um é uma informação valiosa para quem entende que um bom clima organizacional é responsável por potencializar resultados.

Gestão 4.0

Este conceito vem da Quarta Revolução Industrial e leva em conta três princípios básicos: automatização do produto, integração dos setores e virtualização dos processos.

Segundo a Gestão 4.0, é preciso que os gestores automatizem processos, tornando-os mais ágeis e diminuindo os ciclos de produção. Também é necessário que a empresa seja tratada de forma única, com os setores comunicando-se com mais facilidade, diminuindo erros, retrabalhos e aumentando a produtividade. Por fim, a automatização dos processos para que se tenha métricas para análise imediata, acelerando a tomada de decisões.

Análise SWOT

Na tradução para o português, é chamada de análise FOFA: forças, oportunidades, fraquezas e ameaças. Embora não seja um conceito recente, ainda é muito utilizado por ser eficiente, tanto na tomada de decisões quanto na execução de novos projetos. Este conceito faz o que se chama popularmente de “colocar as coisas na balança”.

A matriz FOFA é uma ferramenta de planejamento estratégico que analisa os cenários interno (forças e fraquezas) e externo (oportunidades e ameaças). Assim, ao permitir olhar a empresa por dentro e por fora, é possível ter um panorama completo dos fatores que podem impactar na execução de um projeto.

Embora seja utilizada frequentemente para determinar ações externas, a matriz FOFA pode ser de grande valia para o gestor ao analisar situações internas, entre elas, a própria equipe.

Banner E-book Dale Carnegie - Relações Interpessoais

Liderança

Este é um conceito um pouco mais complexo, não sendo possível encontrar uma definição exata e definitiva. Entretanto, a ideia que o conceito de liderança evoca tem sido cada vez mais discutida e valorizada no meio empresarial.

De certa forma, a liderança pode ser definida como a “arte de motivar um grupo de pessoas a atuar na busca de um objetivo comum”. Ela propõe uma ruptura com o antigo modelo, onde havia um chefe e seus subordinados, oferecendo uma visão mais humana e voltada ao desenvolvimento dos colaboradores.

Por ainda vivermos um período de mudança, onde a chefia vem sendo substituída por liderança, muitos cursos e treinamentos têm sido disponibilizados para aqueles que querem aprimorar suas habilidades e entender melhor o real sentido da liderança.

Inteligência emocional

Entender sobre inteligência emocional prova como todo gestor deve estar atualizado sobre conceitos e teorias de gestão. Mesmo sendo um conceito relativamente novo (o livro que deu origem a ele é de 1995, escrito pelo psicólogo e jornalista científico Daniel Goleman), o assunto é cada vez mais abordado nas grandes organizações. Essa é, inclusive, uma das habilidades mais essenciais para aqueles que almejam alcançar posições de liderança.

A inteligência emocional é composta por 5 pilares:

1) Conhecer as próprias emoções;

2) Controlar as emoções;

3) Automotivação;

4) Empatia;

5) Sociabilidade.

O conceito de inteligência emocional nos diz que as emoções têm mais influência sobre o nosso comportamento do que imaginamos ― ou gostaríamos― e propõe o desenvolvimento desses cinco pilares para o crescimento, tanto pessoal quanto profissional. No artigo Os 5 pilares da Inteligência Emocional você encontra mais detalhes sobre esses fundamentos.

Após ler sobre os conceitos básicos que todo gestor precisa saber, você pode ter se deparado com termos novos e temas, até então, desconhecidos. Isso só mostra o quão importante é para o gestor continuar se atualizando, estudando e trocando conhecimento, seja com outros gestores, seja com os colaboradores.

Se você quer aprender mais e aprimorar suas habilidades de liderança, mande uma mensagem para a equipe Dale Carnegie e descubra como podemos ajudá-lo!

Banner E-book Dale Carnegie - Relações Interpessoais