Muitas vezes, você pode ser absurdamente competente, organizado e produtivo, mas não consegue evitar o estresse no ambiente de trabalho. E, infelizmente, o estresse relacionado ao trabalho não desaparece quando você vai para casa no fim do dia.

O fato é que quando o estresse persiste, pode prejudicar sua carreira, sua saúde e seu bem-estar. No curto prazo, um ambiente de trabalho estressante pode contribuir para problemas como dor de cabeça, dor de estômago, distúrbios do sono, mau humor e dificuldade de concentração. O estresse crônico pode resultar em ansiedade, insônia, pressão alta e enfraquecimento do sistema imunológico.

Se o estresse está interferindo em seu desempenho no trabalho, saúde ou vida pessoal, é hora de agir. A seguir, selecionamos algumas dicas infalíveis para diminuir o estresse no trabalho. Confira:

Dica 1: Apoie sua saúde com exercícios e nutrição

Quando você está excessivamente focado no trabalho, é fácil negligenciar sua saúde física. Mas quando você está apoiando sua saúde com boa nutrição e exercícios, você é mais forte e mais resistente ao estresse.

Cuidar de si mesmo não requer uma revisão total do estilo de vida. Mesmo pequenas coisas podem elevar seu humor, aumentar sua energia e fazer com que você se sinta no controle da sua vida.

Dica 2: Não economize no sono

Você pode sentir que simplesmente não tem tempo para dormir uma noite inteira. Mas poupar no sono interfere na sua produtividade diurna, criatividade, capacidade de resolver problemas e em sua concentração. Quanto mais descansado você estiver, mais bem equipado estará para enfrentar suas responsabilidades e lidar com o estresse no local de trabalho.

Melhore a qualidade do seu sono, fazendo mudanças saudáveis ​​em suas rotinas diurnas e noturnas. Por exemplo, vá para a cama e levante-se à mesma hora todos os dias, mesmo nos fins de semana.

Desligue as telas uma hora antes de dormir. A luz emitida pela TV, tablets, smartphones e computadores suprime a produção de melatonina do seu corpo e pode atrapalhar gravemente o seu sono.

Evite atividades estimulantes e situações estressantes antes de dormir, como recuperar o atraso no trabalho. Em vez disso, concentre-se em atividades calmas e relaxantes, como ler ou ouvir música suave, mantendo as luzes baixas.

Dica 3: Quebre os maus hábitos que contribuem para o estresse no ambiente de trabalho

Muitos de nós pioram o estresse no trabalho com pensamentos e comportamentos negativos. Se você conseguir reverter esses hábitos autodestrutivos, será mais fácil lidar com fatores estressantes.

Banner E-book Dale Carnegie - Liderar Uma Equipe de Vendas

Inverta o seu pensamento negativo. Se você se concentrar no lado negativo de todas as situações e interações, ficará exaurido de energia e motivação. Tente pensar positivamente sobre o seu trabalho, evite colegas de trabalho com pensamentos negativos.

Não tente controlar o incontrolável.  Muitas coisas no trabalho estão além do nosso controle – particularmente o comportamento de outras pessoas. Em vez de enfatizar sobre eles, concentre-se nas coisas que você pode controlar, como a forma como você escolhe reagir aos problemas.

Procure humor na situação. Quando usado adequadamente, o humor é uma ótima maneira de aliviar o estresse no local de trabalho. Quando você ou aqueles ao seu redor começarem a levar as coisas muito a sério, encontre uma maneira de aliviar o clima compartilhando uma piada ou uma história engraçada.

Dica 4:  Priorizar e Organizar sua rotina de trabalho

Sentir-se sobrecarregado é uma grande causa de estresseum grande estressor. Uma ótima maneira de fazer uma grande redução no seu estresse é controlar o seu trabalho priorizando e organizando.Veja como fazer isso:

  • Esclareça metas. Antes de priorizar, você precisa definir objetivos claros. Reserve tempo para se sentar com seu gerente ou diretor e esclarecer seus objetivos. Certifique-se de que suas atividades diárias estejam de acordo com um de seus objetivos mais importantes.
  • Concentre-se em 2-3 coisas. Há um velho ditado – se tudo é uma prioridade, nada é uma prioridade. Concentre-se nas “maiores alavancas” – ou seja, as duas ou três coisas por semana que terão o maior impacto em seus objetivos.
  • Priorize tarefas.  Enfrente as tarefas de alta prioridade primeiro. Se você tem algo particularmente desagradável para fazer, acabe logo com isso. O resto do seu dia será mais agradável como resultado.
  • Definir prazos. Como regra geral, se uma tarefa não tiver um prazo definido, ela será deixada de lado por uma que tenha um prazo final. Defina prazos realistas para tudo, e tudo será feito.
  • Faça uma lista de tarefas. Tão simples, mas tão eficaz. Para certificar-se de que as coisas sejam feitas, escreva-as em um caderno ou em um aplicativo de anotações.
  • Crie um cronograma equilibrado. Tente encontrar um equilíbrio entre trabalho e vida familiar, atividades sociais e atividades solitárias, responsabilidades diárias e tempo de inatividade.
  • Saia mais cedo de manhã. 10 a 15 minutos podem fazer a diferença entre correr freneticamente e ter tempo para entrar no seu dia. Se você está sempre atrasado, adiante seus relógios para obter mais tempo e diminuir seus níveis de estresse.
  • Não comprometa demais sua agenda. Evite agendar coisas consecutivas ou tentar encaixar compromissos demais em um mesmo dia.
  • Delegue responsabilidade. Você não precisa fazer tudo sozinho. Deixe de lado o desejo de controlar cada pequeno passo. Você estará deixando de lado o estresse desnecessário no processo.
  • Não tenha medo dos erros, aprenda com eles. O desejo de ser perfeito pode fazer com que seu estresse aumente. Reconheça que as falhas não definem você, são apenas oportunidades de aprendizado e crescimento.

Dica 5: Eliminar seus maus hábitos

Sua perspectiva pode ter um impacto enorme na sua capacidade de lidar com os causadores de estresse do dia a dia. Mantenha-os sob controle para que eles não se tornem grandes fontes de estresse.

Aqui estão algumas dicas para mudar sua mentalidade por quebrar os maus hábitos que estão prendendo você:

  • Se mantenha positivo. Uma maneira de fazer isso é expressar gratidão. É surpreendente o quanto sua visão é diferente quando você faz questão de reconhecer as pessoas e as coisas em sua vida que você tem sorte em ter.
  • Resista ao perfeccionismo. Quando você define metas irrealistas para si mesmo, você está se preparando para ficar aquém delas. Dê o seu melhor sempre em tudo o que fizer, ninguém pode pedir mais do que isso. Afinal, como disse Dale Carnegie: “Não tenha medo de dar o seu melhor naquilo que parecem ser pequenas tarefas.”
  • Concentre-se no que você pode controlar. Grande parte da ansiedade que sentimos é sobre a incerteza causada por coisas fora do nosso controle. A melhor maneira de combater isso é apenas focar nas coisas que podemos controlar – como nosso esforço, nossa atitude e como tratamos as pessoas – em vez dos resultados que não podemos.

Conclusão

Embora o estresse no local de trabalho seja comum, o excesso pode interferir na sua produtividade e desempenho, afetar sua saúde física e emocional e afetar seus relacionamentos e a vida em casa. Pode até significar a diferença entre sucesso e fracasso profissional.

Você não pode controlar tudo em seu ambiente de trabalho, mas isso não significa que você é impotente – mesmo quando você está preso em uma situação difícil. Quaisquer que sejam as suas ambições ou exigências de trabalho, existem medidas que você pode adotar para se proteger dos efeitos prejudiciais do estresse, melhorar sua satisfação e reforçar seu bem-estar dentro e fora do local de trabalho.

E então, gostou do texto? Quais dicas você adicionaria para diminuir o estresse no trabalho? Compartilhe conosco nos comentários. E conte com os  treinamentos da Dale Carnegie para ajudar a elevar suas competências e encarar todos os desafios da sua vida profissional.

Banner E-book Dale Carnegie - Liderar Uma Equipe de Vendas