Não faz muito tempo que bastava sair do escritório para que o trabalho esperasse até o outro dia. Eventualmente, um papel ou outro era levado para a casa ou, então, o expediente se estendia mais que o normal. Assim, era mais fácil manter o equilíbrio na vida profissional e pessoal. Entretanto, hoje o trabalho nos acompanha por todos os lados. Uma olhadinha no smartphone e lá está a notificação; uma checada nos e-mails e uma enxurrada de pedidos invade a caixa de entrada.

Como, então, conseguir separar a vida pessoal da profissional? A resposta pode ser mais complexa do que você pode imaginar. Isso porque esses dois aspectos são indissociáveis. É impossível fazer com que um colaborador se desconecte totalmente de um problema pessoal enquanto trabalha. Da mesma forma que também não há como “desligar” o modo trabalho assim que sai do escritório.

No entanto, é possível encontrar o equilíbrio entre esses dois aspectos e levar uma vida mais tranquila, organizada e produtiva. Continue a leitura e descubra como.

Equilíbrio na vida profissional e pessoal: aprenda a dizer não

Às vezes, dizer “sim” a tudo que é pedido pode parecer a maneira mais fácil de resolver as coisas. Mas, a dificuldade em dizer “não” pode esconder problemas maiores que apenas a vontade de solucioná-los da melhor maneira possível. Não conseguir negar nada é a atitude causadora da sobrecarga, estresse e, claro, de desequilíbrio entre a vida pessoal e profissional.

Dizer “sim” a tudo, mesmo que se sinta desagradado ou pressionado, pode revelar um desejo de aceitação, medo de decepcionar os outros e, para algumas pessoas, é uma forma de se sentir valorizado e insubstituível. O problema é que depois que você fica conhecido como alguém que sempre se coloca em segundo lugar para priorizar as demandas dos outros, fica cada vez mais difícil escapar dos pedidos, seja de colegas, de amigos ou de familiares.

A gente sabe que dizer “não” pode ser tão difícil quanto ouvi-lo. Contudo, a escolha das palavras pode ajudar você a começar a verbalizar essa palavra tão temida. Pesquisadores da Universidade de Houston e da Faculdade de Boston realizaram um estudo que mostra que a posição e escolha das palavras usadas na hora de recusar um pedido podem fazer toda a diferença.

O segredo, segundo os pesquisadores, é não abrir espaço para réplica. Ao dizer “eu não posso ajudar você a terminar este relatório” a palavra “posso” mostra que algo o está impedindo naquele momento e que, em outra situação, você aceitaria ajudar. Porém, esse argumento abre espaço para a contestação. No lugar de aceitar a negativa, é possível que o interlocutor procure formas de resolver, ou minimizar, o que o impede de ajudá-lo.

A sugestão dos pesquisadores é que quanto mais direta e clara for a negativa, mais chances dela ser aceita sem grandes refutações. “Não irei ajudá-lo a terminar o relatório” pode parecer mais incisivo e, na verdade, é. E é aqui que mora a diferença.

Porém, dizer não é a apenas o primeiro passo para aliviar a sobrecarga e encontrar o tão buscado equilíbrio na vida profissional e pessoal. Conheça outras 5 dicas que podem ajudá-lo.

5 dicas para ajudar a encontrar o equilíbrio na vida profissional e pessoal

Alcançar o equilíbrio na vida profissional e pessoal demanda esforço! Estabelecer limites, saber delegar e se organizar são ótimas maneiras de manter esses dois setores da vida caminhando juntos de forma harmoniosa. Acompanhe.

1. Organize-se

A falta de organização é uma das grandes responsáveis por deixar o trabalho entrar na vida pessoal e vice-versa. Para encontrar o equilíbrio, faça planos, estipule metas e horários para cada tarefa. Adotar essa medida faz com que se tenha clareza sobre cada uma das atividades que precisam ser feitas e evita que você comece uma pensando em outra.

Banner E-book Dale Carnegie - Liderar Uma Equipe de Vendas

2. Aprenda a delegar

Será que tudo que você faz apenas você pode fazer? Há casos de pessoas que gostam de “carregar o mundo nas costas” para se sentirem úteis ou indispensáveis. Mas, esse comportamento, sem dúvidas, leva ao estresse e à baixa produtividade. Afinal, com tanta coisa para fazer é possível que muitas delas não saiam como deveriam.

Saber delegar é uma das melhores formas de conseguir equilibrar os âmbitos profissional e pessoal, então, comece a dividir as obrigações e responsabilidades!

3. Desenvolva sua inteligência emocional

Como comentamos acima, a sobrecarga por ter vida pessoal e profissional emaranhadas pode ser sintoma de um problema um pouco mais complexo. Baixa autoestima, insegurança ou medo de decepcionar família ou superiores são apenas alguns dos motivos que levam muitas pessoas a não delimitarem os limites entre um âmbito e outro.

Desenvolver a inteligência emocional é uma forma de autoconhecimento. Ao entender e identificar suas emoções, desenvolver a empatia e se automotivar, fica mais fácil identificar para onde deve ir a sua atenção nas situações do dia a dia.

Se você está em busca do equilíbrio na vida profissional e pessoal, recomendamos que também leia o artigo Os 5 pilares da Inteligência Emocional e entenda melhor esse conceito.

4. Desconecte-se

De nada adianta planejar seu dia, determinar seus horários e não cumprir o estabelecido. Então, na hora que for para se concentrar na vida familiar, desconecte-se do trabalho. Desligue o celular, não acesse e-mails profissionais e respeite esse tempo.

O mesmo acontece quando a jornada de trabalho inicia: remova do seu alcance tudo que pode desconcentrá-lo e levar seu pensamento para a vida pessoal. Não cheque e-mails pessoais e resista à tentação de dar aquela olhadinha no grupo de amigos ou redes sociais.

Estabelecer essa separação demanda esforço. Portanto, coloque seus próprios limites e tente, com afinco, respeitá-los.

5. Abra espaço para a flexibilidade

Nem sempre as coisas saem como planejado. E isso também irá acontecer na sua busca pelo equilíbrio na vida profissional e pessoal. Logo, é bom estar preparado para os imprevistos. É por esse motivo que desenvolver a sua inteligência emocional é tão importante. Assim, você terá a flexibilidade necessária para se adaptar às situações e manter vida pessoal e profissional equilibradas.

Gostou de saber como manter o equilíbrio na vida profissional e pessoal? Se você ficou com alguma dúvida, envie uma mensagem para a equipe do Portal Dale Carnegie.

Faça sua inscrição antecipada aqui