Um mercado em constante evolução, as transformações cada vez mais rápidas e as diferentes necessidades dos colaboradores, tornam difícil para líderes e empreendedores instituírem uma cultura empresarial forte. Isso porque esse conceito vai muito além da lista de valores que a empresa ostenta. Sua verdadeira essência são os pensamentos e ações inconscientes que determinam as decisões e comportamentos dos envolvidos no dia a dia do negócio. 

Sem dúvidas, a cultura organizacional é fundamental para que exista um bom ambiente de trabalho, onde os colaboradores entendem seu papel e se sentem livres para expressar suas ideiasEntretanto, muitas companhias cresceram sem se dedicar a esse tema e, só quando os problemas ocasionados pela sua falta chegaram, se viram forçados a mudar a conduta até então vigente. 

Se você chegou até este artigo, certamente, já se deu conta da importância de uma cultura empresarial forte frente às mudanças. A boa notícia é que, sim, é possível modificar a cultura na qual sua empresa está inserida. No entanto, precisamos avisá-lo de que isso é mais complexo de se fazer do que parece. Entenda mais a seguir! 

Por que é tão difícil criar uma cultura empresarial forte? 

Em um artigo publicado no blog da Dale Carnegie Training, Mark Marone, diretor de pesquisa e liderança da Dale Carnegie and Associates, afirma que a cultura organizacional existe de forma consciente ou não. Ou seja, mesmo que ninguém tenha se dedicado a criá-la, ela está presente em todas as ações que ocorrem dentro da empresa. 

Ainda segundo Marone, o contexto de constante transformação que vivemos atualmente, especialmente no mercado, faz com que muitos precisem se adequar à nova realidade e, junto a isso, transformar também a sua cultura organizacional. Essa ruptura com o antigo, por sua vez, pode enfrentar grandes resistências ― assim como pode ser visto em qualquer mudança. No artigo, foram citados por ele 4 empecilhos para a implementação de uma cultura empresarial forte. 

  1. Força de trabalho dispersa: a cultura organizacional se constrói por meio das interações humanas que acontecem no ambiente profissional. Com mais colaboradores trabalhando em home office ― que muitos especialistas acreditam se manter mesmo após a pandemia de Covid-19 ― essas interações podem ficar prejudicadas; 
  2. Pressão por produtividade: em uma pesquisa realizada pela Dale Carnegie Training com 600 líderes sênior, 50% disseram que a produtividade a qualquer custo era um impedimento para a construção de uma cultura organizacional forte. 
  3. Fusões: conseguir uma cultura forte já é um processo complexo. Imagine ter que conciliá-la a uma ou mais condutas de outras empresas por conta de uma integração entre elas? Corporações que passam por fusões com outras companhias têm mais dificuldade em instituí-la. 
  4. Transparência: ela deve ser uma via de mão dupla entre líderes e colaboradores. A franqueza nas relações e a imagem que os funcionários têm da empresa influenciam diretamente no sucesso da implantação de uma nova cultura.

Junto a esses quatro motivos, Marone também comenta que esses desafios só serão vencidos se os líderes tiverem consciência da importância dessa mudança. O sucesso começa com líderes que acreditam na relevância de se ter uma cultura corporativa forte e estão convencidos do seu impacto no resultado de suas organizações. Caso contrário, qualquer desafio na transformação servirá de impeditivo. 

Como mudar e conquistar uma cultura empresarial forte 

Caso as lideranças estejam dispostas a promover uma cultura empresarial forte, as dicas abaixo irão potencializar as chances de sucesso. Confira. 

Assuma o protagonismo 

Já faz tempo que o líder deixou de ser chefe para se tornar uma figura muito mais estratégica para os negócios e inspiradora para os colaboradores. Portanto, de nada adiantará colocar no papel o que se deseja da cultura se os gestores não assumirem o protagonismo dessa mudançaliderança precisa ser o exemplo. Como falamos há pouco, a cultura de uma empresa se mostra nas ações diárias, dessa forma, a postura do superior hierárquico precisa ser condizente com a nova proposta.  

Um levantamento da Dale Carnegie Training, realizado com 3.300 pessoas de 14 países, mostrou que a honestidade do líder ao assumir seus erros é importante para 81% dos colaboradores. Por outro lado, apenas 40% dos gestores confessaram assumir suas falhas consistentemente. Anular essa discrepância entre o que é importante para os liderados e qual, de fato, é a atitude do líder, é um dos pontos mais importantes na hora de construir uma cultura empresarial forte. 

Incentive o entusiasmo 

Nem sempre é fácil motivar os funcionários. Com tantas demandas vindas de pessoas diferentes, nem sempre uma única ação dará resultados entre todos. Entretanto, estimular os talentos e ideias dos colaboradores é sempre uma ação eficaz para ambos os lados. Quem é ouvido, percebe um novo nível de significância para o negócio, já a empresa, ganha mais criatividade e consegue reter mais talentos. 

É preciso também reconhecer os esforços individuais. Ainda no levantamento da Dale Carnegie Training, 85% dos colaboradores disseram ser importante receber a apreciação honesta do líder, embora apenas 49% dos supervisores afirmarem fazer isso com frequência. 

Ofereça treinamento 

Investir em educação corporativa é uma das maneiras mais eficazes de fazer com que os colaboradores se sintam valorizados pela empresa. Ao tentar fortalecer a cultura empresarial, contar com o apoio de cursos e treinamentos para inserir a equipe na nova realidade aumenta, consideravelmente, as chances de sucesso. 

Um exemplo de como essa ferramenta pode modificar comportamentos e tornar os colaboradores mais receptivos à mudança vem de um dos clientes da Dale Carnegie Training. A Atlas Copco Group  estava em um momento de expansão e necessitava que suas equipes se comunicassem melhor e fossem mais proativas, aumentando as vendas. Ao fim do treinamento, os participantes haviam avançado significativamente em relação a essas habilidades, o que trouxe um grande impacto para a cultura organizacional da empresa. 

Nós, da Dale Carnegie, há mais de 100 anos ajudamos líderes e empreendedores a alcançarem resultados extraordinários. Neste link, você encontra a lista de cursos disponíveis na sua região. Converse com um de nossos consultores e conheça todos os detalhes.