Não é segredo que a chave para alcançar com sucesso um objetivo após o outro é permanecer motivado. Existem, é claro, tarefas que você pode não gostar, mas poderá encontrar motivação para completá-las, se for capaz de reconhecer como cada tarefa, em particular, servirá a um objetivo maior.

Mas, afinal, como podemos permanecer motivados a maior parte do tempo? Aqui estão algumas dicas que você pode experimentar:

1. Encontre as Boas Razões

Qualquer coisa que você faça, por mais simples que seja, sempre haverá várias boas razões por trás delas. Nem todas as tarefas têm as boas razões para serem notadas à primeira vista, mas se você dedicar alguns momentos para analisá-las, verá facilmente algo bom nelas.

Mas se você está sempre preso em alguma tarefa que odeia e parece não haver motivação para completá-la, aqui está o que você precisa fazer: encontrar suas boas razões. Elas podem não ser óbvias, mas existem, e reconhecê-las trará sua motivação de volta e o ajudará a terminar a tarefa.

Algumas ideias sobre o que pode ser uma boa razão:

  • Uma recompensa material – você poderá ser recompensado por fazer algo que normalmente não gosta de fazer.
  • Ganho pessoal – você irá ganhar algo novo que valha pessoalmente para você.
  • Um sentimento de realização – pelo menos você será capaz de ir embora sentindo-se bem em encontrar motivação e coragem para completar uma tarefa tão tediosa.
  • Um passo mais perto de sua meta maior – até mesmo as maiores realizações da história começaram pequenas e se basearam em tarefas simples e muito menos agradáveis ​​do que as que você pode estar trabalhando. Cada tarefa completada aproxima você do objetivo final, e reconhecer isso é sempre bom.

2. Divirta-se

Quando se trata de motivação, a atitude é tudo. Pessoas diferentes podem ter sentimentos completamente opostos em relação à mesma tarefa: alguns vão odiá-la, outros vão adorá-la. Por que você acha que isso acontece? É simples: alguns de nós encontram maneiras de tornar qualquer tarefa interessante e divertida de se fazer, outros não.

Dependendo de sua perspectiva, você pode se divertir fazendo praticamente qualquer coisa. Uma abordagem simples é começar a trabalhar em qualquer tarefa, fazendo a si mesmo algumas perguntas:

  • Como posso aproveitar essa tarefa?
  • O que posso fazer para tornar essa tarefa mais prazerosa para mim e possivelmente para os outros?

As respostas aparecerão momentaneamente, contanto que você aprenda a ter a expectativa definida de que qualquer tarefa seja potencialmente agradável.

Alguns provavelmente pensarão em uma ou duas coisas que são exceções válidas, como algo que você definitivamente odeia fazer, não importa o quanto você se esforce. Não vamos discutir – você provavelmente está certo, e é por isso que não estamos reivindicando que tudo passe a ser divertido. No entanto, a maioria das tarefas tem potencial para ser agradável. Sendo assim, procurar maneiras de “se divertir” enquanto trabalha é um bom hábito para cultivar e tornar-se mais motivado.

3. Tome uma abordagem diferente

Quando algo não parece certo, é sempre uma boa hora para dar uma olhada e analisar toda a tarefa, procurando uma abordagem diferente.

Você pode estar fazendo tudo corretamente e com mais eficiência, mas, às vezes, sua abordagem não é necessariamente a mais motivadora. Muitas vezes você pode encontrar uma série de ajustes óbvios para a sua abordagem atual, que vai mudar sua experiência e abrir novas possibilidades de motivação.

É por isso que dizer “de um jeito ou de outro” é tão comum: se você realmente quer realizar seu objetivo, há sempre um atalho. E, provavelmente, há mais de um caminho. Se uma determinada abordagem não funciona para você, encontre outra e continue tentando até encontrar aquela que irá mantê-lo motivado e ajudá-lo a obter os resultados desejados.

Algumas pessoas pensam que tentar uma abordagem diferente significa desistir. Eles se orgulham de ser realmente teimosos e se recusam a tentar qualquer outra opção a caminho do objetivo. Bem, o poder do foco é realmente grande; mas você deve se concentrar em seu objetivo, e não limitar suas opções em nome dele, concentrando-se em apenas uma maneira de realizá-lo. Pense nisso.

4. Reconheça seu progresso

Tudo em que você está trabalhando pode ser facilmente dividido em partes e etapas menores. Para a maioria dos objetivos e metas, é bastante natural dividir o todo em tarefas e marcos menores. Existem algumas razões por trás disso, e uma delas é acompanhar seu progresso.

Banner E-book Dale Carnegie - Liderar Uma Equipe de Vendas

Nós rastreamos nosso progresso automaticamente com a maioria das atividades. Mas, para permanecer motivado, você precisa reconhecer seu progresso, não apenas rastreá-lo. Veja como acompanhar e reconhecer seu progresso é diferente: o acompanhamento é apenas tomar nota de ter atingido um determinado estágio no processo. Reconhecer é levar tempo para olhar para uma imagem maior e perceber exatamente onde você está e quanto mais você ainda precisa fazer.

Por exemplo, se você for ler um livro, comece sempre passando pela tabela de conteúdo. Familiarizar-se com os títulos dos capítulos e memorizar tornará mais fácil para você reconhecer o seu progresso enquanto lê. Confirmar quantas páginas o seu livro tem antes de começar também é uma boa ideia.

De alguma forma, é da natureza humana querer sempre que as coisas aconteçam de uma só vez. Mesmo que dividamos tarefas complexas em ações mais simples, não sentimos a satisfação até que tudo seja feito e a tarefa esteja totalmente concluída.

No entanto, para muitos cenários, a tarefa é tão vasta que tal abordagem irá drenar toda a sua motivação muito antes de você ter a chance de alcançar seu objetivo. É por isso que é importante dar sempre pequenos passos e reconhecer o progresso alcançado no percurso.

5. Recompense-se

Este é um truque que todo mundo gosta: recompensar a si mesmo é sempre agradável. Esta é também uma das formas mais fáceis e ao mesmo tempo mais poderosas de se manter motivado!

Se você está constantemente esperando por uma recompensa a longo prazo, você se esquece de quão cruciais são todas as pequenas recompensas e vitórias. E pode ser difícil permanecer motivado e dominar as coisas, se não houver nenhuma recompensa à vista. Mime-se com pequenas coisas e não subestime o quanto pode ser gratificante reconhecer pequenos avanços.

Para algumas tarefas, basta fazer uma pausa e relaxar por alguns minutos. Para outras, você pode querer tomar um café e até mesmo saborear uma sobremesa. Para tarefas ainda maiores e mais exigentes, você pode querer se recompensar fazendo algo ainda mais agradável, como ir ao cinema, fazer uma viagem para algum lugar legal, ou até mesmo comprar algo para si mesmo.

Quanto mais você se recompensar pelo progresso alcançado honestamente, mais motivado você se sentirá ao atingir novos marcos, alcançando assim seu objetivo. Afinal, como nos ensinou Dale Carnegie “Sucesso é conseguir o que você quer, e felicidade é gostar do que você conseguiu”.

Misturar e combinar

Agora que você tem em mãos essas cinco dicas para se manter motivado, é um bom momento para lhe entregar a chave de todas elas: misturar e combinar. Escolha um dos conselhos e aplique-o à sua situação. Se isso não funcionar, ou se você simplesmente quiser obter mais motivação, tente outro conselho. Misture diferentes abordagens e combine-as com a sua tarefa em questão para obter melhores resultados.

Quais outras dicas de motivação funcionam para você? Compartilhe conosco nos comentários. E conte sempre com a tradição dos treinamentos da Dale Carnegie para a aumentar sua capacidade de motivação.

 

Banner E-book Dale Carnegie - Liderar Uma Equipe de Vendas