Em relação às necessidades humanas, uma das contribuições mais importantes para a psicologia é a chamada pirâmide de Maslow, que ordena as necessidades humanas em uma hierarquia.

Para poder subir etapas, é necessário satisfazer as necessidades nas etapas anteriores. Nosso progresso dependerá de nossas próprias ações, da atitude ativa que adotamos para seguir em frente por meio de motivação e objetivos.

O conceito desta pirâmide gira em torno do esforço que alguém faz para suprir alguma necessidade. Há momentos que nossas necessidades exigem menos esforços para saciá-las. No caso, essas estão na base da pirâmide e, à medida que subimos, nos deparamos com necessidades cada vez mais complexas. Por exemplo, quando finalmente nos sentimos à vontade fisicamente e mentalmente, somos capazes de direcionar nossos esforços para objetivos mais elevados.

A seguir entenda com mais profundidade o que é a Pirâmide de Maslow e qual sua contribuição para quem busca se desenvolver. Confira!

Pirâmide de Maslow: cinco necessidades básicas

Maslow é considerado um dos pais fundadores da psicologia humanista. Este tipo de psicologia explora questões de uma perspectiva filosófica da vida, a fim de responder a perguntas significativas. Difere muito de outras perspectivas psicológicas, especialmente da psicologia comportamental, que se concentra apenas em estímulos observáveis ​​(como o comportamento) ou na psicanálise que se concentra no inconsciente.

Maslow acreditava que as necessidades humanas podiam ser ordenadas, portanto ele criou uma hierarquia e, com isso, uma pirâmide. Sendo uma organização hierárquica, este modelo tem uma forma de pirâmide e é composto por cinco níveis, sendo o nível mais alto a autorrealização.

  • Fisiologia
  • Segurança
  • Afiliação
  • Reconhecimento
  • Auto-realização

A maneira de subir até o topo, de acordo com Maslow, é ter uma atitude ativa. Enquanto nossas necessidades básicas não são atendidas, não podemos subir o próximo degrau. Somos todos responsáveis ​​pelo nosso próprio progresso. A motivação é a chave para progredir e subir.

1. Necessidades fisiológicas ou básicas

Essas são as necessidades mais primárias e básicas de todos os seres humanos desde o nascimento. Elas são impossíveis de ignorar e cobrem ações como dormir, respirar, a homeostase da temperatura, alimentação entre outras questões físicas. Quem pode ignorar quando seu estômago ronca, afinal?

Essas ações nos ajudam a manter a homeostase, que é o equilíbrio relativamente estável em nossos corpos. De acordo com essa teoria, se tivermos sérios problemas de saúde, é provável que nos preocupemos excessivamente com coisas triviais. Por exemplo: a primeira coisa que precisaremos como ser humano será respirar, comer, beber e dormir. Até que essas necessidades sejam atendidas, não podemos nos concentrar em outras preocupações. 

2. Necessidades de segurança e proteção

Esta etapa não é apenas sobre segurança física, mas também segurança material, como:

  • Segurança pessoal
  • Segurança financeira
  • Saúde e bem-estar
  • Rede de segurança contra acidentes / doenças

Por exemplo, ser demitido e não ter uma poupança pode dificultar a conclusão ou o cumprimento desse estágio.

3. Amor e pertencimento social

Este estágio mantém todos os nossos relacionamentos. Precisamos ter relacionamentos positivos e saudáveis, seja amizade ou parceiros. Amor e carinho facilitam nossa existência, pois envolvem sentimentos de pertencimento. O grupo ao qual pertencemos, independentemente do tamanho ou tipo (família, amigos, clube esportivo, etc.) sempre nos motivará a fazer mudanças e a cumprir diferentes etapas.

Lembre-se de que, para os outros nos aceitarem, devemos primeiro nos aceitar. No entanto, o apoio das outras pessoas é um impulso crucial para nos ajudar a buscar a melhor versão de nós mesmos.

4. Necessidades de estima

Como bem observou Dale Carnegie: “Interessando-nos pelos outros, conseguimos fazer mais amigos em dois meses do que em dois anos a tentar que eles se interessem por nós”, pois é intrínseco ao humano desejar ser estimado pelos outros. Esta etapa se refere ao típico desejo humano de ser aceito e valorizado pelos outros. Abrange aspectos mais complexos da vida, como confiança, autoestima, respeito e sucesso. A autoestima é vital para o crescimento pessoal, a falta dela pode levar a complexos e distúrbios de inferioridade. Se não nos apreciamos, torna-se difícil nos importarmos com qualquer outra coisa, quanto mais cumprir todas as etapas. Essas necessidades são geralmente divididas em duas:

Banner E-book Dale Carnegie - Relações Interpessoais

  • Inferior: baseado no respeito, atenção e apreciação dos outros. Está ligado à reputação, status e posição que alguém pode ter ou alcançar na sociedade ou em seu círculo social.
  • Superior: isso se baseia mais em nós mesmos, no respeito próprio. Isso inclui nosso autovalor, além de aceitar nossas habilidades cognitivas, pensamentos e emoções

5. Necessidades de autorrealização

Elas estão no topo da pirâmide e são almejadas por todos nós. Para alcançá-las, nós precisamos completar os quatro passos anteriores. O que encontramos aqui? Potencial de desenvolvimento: moralidade, criatividade, espontaneidade e aceitação. Preconceitos desaparecem. A visão positiva que é mantida da vida faz você querer vivê-la ao máximo.

Este nível é reservado para as pessoas mais bem-sucedidas, mas o sucesso é subjetivo. Chegamos em um ponto onde as necessidades são de crescimento pessoal, e por isso elas não são necessidades ligadas a mais ninguém. Por exemplo, uma pessoa que alcançou este fim da pirâmide é aquele que tem todas as suas necessidades cobertas e dedica muito do seu tempo ao altruísmo, ao trabalho humanitário e ao desenvolvimento das sua autonomia e o autocontrole.

Nem todos têm os mesmos objetivos, portanto, para entender quais são os propósitos finais da autorrealização, precisamos dominar os outros. Por exemplo, uma pessoa pode sentir-se autorrealizada por seu trabalho muito importante na ONU, enquanto outra pode alcançar a autorrealização ensinando crianças em uma cidade pequena. Todo mundo tem sonhos diferentes e isso não significa que você tenha que se tornar famoso para alcançar a autorrealização.

Descrição de uma pessoa autorrealizada

As pessoas que conseguiram chegar ao último nível da pirâmide de Maslow possuem as seguintes características:

  • Lidera seus problemas em busca de soluções, além do interesse próprio;
  • Seu senso de humor não é baseado em crueldade;
  • Elas respeitam um ao outro e a natureza;
  • Elas mostram espontaneidade, criatividade e originalidade;
  • Elas podem desfrutar de solidão;
  • Seus relacionamentos pessoais não são muito numerosos, mas os que elas têm são muito próximos (elas rejeitam a superficialidade);
  • Evitam convenções e estereótipos sociais, confiando mais em suas experiências e julgamentos individuais;
  • Elas não acreditam que o fim justifica os meios;
  • Elas tendem a desfrutar de experiências mais intensas;
  • Eles são não-conformistas e independentes.

Pirâmide de Maslow: vantagens e desvantagens

Vantagens da teoria motivacional de Maslow

  • É simples: suas abordagens podem ser facilmente entendidas e seguidas por qualquer pessoa.
  • É visualmente agradável: a pirâmide é autoexplicativa e memorável.
  • É facilmente aplicável à realidade: como você viu no exemplo passado, é fácil extrapolar essa teoria para nossas vidas diárias.
  • É inovador: o trabalho de Maslow foi uma perspectiva diferente, mais completa e flexível, do behaviorismo e das perspectivas reducionistas da época.

Desvantagens da teoria motivacional de Maslow

  • É ambígua: necessidades como a respiração são facilmente mensuráveis, no entanto, conceitos como a autorrealização são muito abstratos. Atualmente, a psicologia está se concentrando em perspectivas científicas ou com base em evidências quantificáveis. Como essa teoria é difícil de quantificar, então é considerada vaga.
  • Otimismo exagerado: Maslow era otimista e acreditava na boa natureza dos humanos. Ele até afirmou que “quando as pessoas parecem ser algo que não é bom e decente, é apenas porque estão reagindo ao estresse, à dor ou à privação de necessidades humanas básicas, como segurança, amor ou autoestima”

Em psicologia, a Pirâmide de Maslow foi estudada em todas as diferentes perspectivas e até mesmo incorporada em coisas práticas do dia a dia.

1. Pirâmide de Maslow em organizações e empresas

Instituições públicas e privadas exigem que seus colaboradores sejam motivados a trabalhar e, por sua vez, precisam saber como motivá-los. Empresas como o Google oferecem aos seus funcionários benefícios que vão além dos econômicos, a fim de mantê-los motivados para fazer seu trabalho. Essas empresas lideram rankings de motivação e produtividade de equipes, oferecendo aos seus colaboradores ambientes de trabalho agradáveis  e estimulantes ​. A principal razão para isso é que, se estamos felizes, estamos mais propensos a ser motivados e nosso nível de produtividade será maior.

2. Pirâmide de Maslow em marketing

Entender as necessidades dos consumidores é importante para que as vendas subam e que as empresas triunfem em um mundo muito competitivo. Através de projetos de publicidade e campanha, a motivação é explorada para estratégias de vendas eficazes.

3. Pirâmide de Maslow para crescimento pessoal

A teoria motivacional de Maslow permite nos conhecer melhor. As necessidades humanas são comuns a todos, no entanto, todos nós temos motivações pessoais que, para sermos felizes, precisamos descobrir. Examinando os nossos diferentes estágios e analisando-os, podemos contemplar as necessidades e, a partir daí, iniciar nosso progresso pessoal.

4. Pirâmide de Maslow e necessidades sociais

Necessidades também podem se desenvolver em grandes massas de pessoas. Grande parte da população mundial não consegue atender às suas necessidades básicas.

A hierarquia de necessidades de Maslow ainda é uma referência quando a pauta é motivação e sentido pessoal, profissional e existencial. No entanto, ainda existem muitos críticos e sua validade ainda é questionada.

Pesquisar o que é essencial para nós na vida, a fim de satisfazer nossos desejos mais íntimos, é importante para alcançar a felicidade. É certo que esta teoria continuará a ser estudada nos próximos anos.

E então, gostou do artigo e está pronto para subir na Pirâmide de Maslow e levar sua carreira e sua vida para o próximo nível? Conte sempre com o apoio e os treinamentos oferecidos pela Dale Carnegie para ajudá-lo a aprimorar seu desenvolvimento pessoal e profissional. Estamos ansiosos para conhecê-lo e apresentá-lo ao nosso time. Fale conosco.

Faça sua inscrição antecipada aqui